- Publicidade -
- Publicidade -
19.3 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Balneário Camboriú recupera terreno, mas Itapema ainda é a cidade com maior valorização em Santa Catarina desde 2018

Balneário Camboriú liderou valorização nos últimos 12 meses

A série histórica do Índice Fipe/Zap mostra que Itapema, dentre as cidades catarinenses pesquisadas, foi a que teve maior valorização imobiliária entre janeiro de 2018 e agosto de 2022.

O Índice é calculado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, com base nos preços de apartamentos em 50 cidades, anunciados no portal Zap.

A valorização em Itapema no período foi de quase 67%. Logo em seguida aparece Itajaí, com valorização de 57,74% e Balneário Camboriú com 53,60%.

- Publicidade -

Na média das 50 cidades pesquisadas, os imóveis aumentaram apenas 13,41%.

Sete cidades catarinenses estão entre as 18 que valorizaram mais de 10% no Brasil nos últimos 12 meses, indicando que Santa Catarina é a “bola da vez” no mercado imobiliário nacional.

Investir aqui é muito mais vantajoso do que na maioria das cidades, com exceção de Vitória (ES), Vila Velha (ES), Goiânia (GO) e São José dos Campos (SP) que valorizaram em torno de 20% nos últimos 12 meses.

Nos últimos 12 meses, Balneário Camboriú se recuperou, provavelmente devido ao alargamento da praia central, e foi a cidade com maior valorização no Estado, segundo o Índice Fipe/Zap.

É possível que essa valorização se mantenha acelerada, pois o alargamento é uma obra de retorno permanente, que ajuda a projetar a cidade como local ideal para segunda moradia e turismo.


Para receber notícias do Página 3 por whatsapp, acesse este link, clique aqui




- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -