- Publicidade -
- Publicidade -
21.9 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Pré-candidato a governador do Estado pelo NOVO estará em Balneário Camboriú nesta quinta-feira

O pré-candidato a governador de Santa Catarina pelo NOVO, Odair Tramontin estará em Balneário Camboriú nesta quinta-feira (12), para um encontro com filiados do partido na cidade. 

O promotor de Justiça e professor universitário licenciado foi apresentado como pré-candidato ao governo de Santa Catarina no Encontro Nacional do NOVO, em São Paulo, no início de abril, ao lado do cientista político Felipe d’Avila como candidato à presidência.

- Publicidade -

A principal liderança do NOVO em Balneário Camboriú, o vereador Lucas Gotardo, disse que está contente porque o pré-candidato a governador aceitou seu convite de vir a Balneário Camboriú.

“É uma cidade que ele tem um carinho enorme. Dessa vez organizamos uma agenda bem específica para que ele se aproxime das pessoas e conheça a minha base. Nós estamos juntos e muito próximos nessa caminhada: eu como pré-candidato a deputado estadual, e ele como pré-candidato a governador. E tem sido um grande aprendizado acompanhá-lo, porque ele é um cara sério, com uma carreira exemplar e vem fortalecendo a cada dia seu nome por onde passa”, afirma o vereador Lucas Gotardo.

Tramontin atuou 33 anos como promotor de Justiça e já foi coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) em Blumenau, onde trabalhou no enfrentamento à corrupção. 

Natural de Campo Erê, no Oeste do estado, mudou-se para Florianópolis, onde se formou em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), com especialização em Direito Penal e Processual Penal. Mestre em Ciências Jurídicas e professor na Furb, em Blumenau, desde 1990.

- Publicidade -

Teve a sua primeira experiência na política em 2020, quando concorreu ao cargo de prefeito de Blumenau. Ele foi a grande novidade na última eleição, obtendo 22.846 votos, alcançando a terceira posição no primeiro turno com 14,24%. Por apenas 2 mil votos, não passou para o segundo turno. 

Depois disso, foi aprovado um em processo seletivo do NOVO para este novo desafio. 

“Nos apresentamos como uma nova alternativa para que a sociedade avalie se quer continuar com o modelo que nós temos, da velha política, ou que ver algo diferente”, declarou.

- Publicidade -
spot_imgspot_img
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
%d blogueiros gostam disto: