- Publicidade -
22 C
Balneário Camboriú

Balneário Camboriú está florida – mais de 300 canteiros de flores embelezam a cidade, junto do Primavera BC

A Primavera que iniciou nesta semana no calendário nacional, em Balneário Camboriú começou mais cedo este ano, com a primeira edição do festival Primavera BC, que busca colorir a cidade nesta que é a época mais florida do ano. 

Balneário sempre foi conhecida pelos canteiros espalhados por toda a sua extensão, que estão recebendo uma atenção especial. Isso também se reflete nas vendas das floriculturas, que possuem opções para todos os gostos e bolsos. 

Primavera e turismo:

Festival já caiu no gosto do público

Programação na Praça Higino Pio chama a atenção do público (foto PMBC)

O secretário de Turismo de Balneário, Geninho Góes, conta que, como idealizador do evento, considera que ele vem superando as expectativas, com uma boa aceitação por parte dos turistas e moradores da cidade. 

“Veio em um momento muito favorável. Já vi pessoas falando que estávamos passando por um período de escuridão [com a pandemia] e o Primavera BC trouxe cor para a cidade, com as apresentações artísticas, que também valorizam os nossos artistas locais”, conta.

Exposição de carros antigos acontecerá mais duas vezes (foto PMBC)

O evento segue até outubro e conta com programação extensa, como o 1º Desafio de Cicloturismo BC, que acontece neste domingo (26) nas praias agrestes, bem como exposição de carros antigos na Praça do Pescador, na Barra, também neste domingo e ainda no dia 10 de outubro – sempre das 9h às 18h. Também em 10 de outubro acontecerá um passeio ciclístico gratuito. 

Encerrando o Primavera, em 12 de outubro, acontece a  Cãominhada e uma programação especial para o Dia das Crianças, que será divulgada em breve. 

“Vejo que todo evento é considerado um sucesso quando reflete na economia da cidade; é para os moradores, mas também queremos atrair turistas, que são motivados a virem para uma cidade onde os sentidos são provocados, com incentivo de experimentar e vivenciar. Já estamos inclusive pensando na próxima edição”, acrescenta Geninho. 

Alameda da Rua 1.200 tem música ao vivo todo final de semana (foto PMBC)

.

CIDADE FLORIDA

Mais de 300 canteiros pela cidade, investimento é de R$ 700 mil/ano 

Flores colorem a cidade (foto PMBC)

A diretora do departamento de Paisagismo, Jéssica Cristina Nicolau, comanda as equipes que cuidam dos mais de 300 canteiros espalhados por Balneário Camboriú. 

Ela conta que as mudas são trocadas, normalmente, a cada quatro meses, mas que isso pode variar dependendo da espécie – algumas exigem que a troca seja antecipada, por diversos fatores, como excesso de chuva. 

“Estamos ‘florindo’ toda a cidade, como a Estrada da Rainha, que terá 80% de flores e 20% de grama nos canteiros laterais. O elevado da Quarta Avenida também está recebendo canteiros. Plantamos flores diversas, no inverno é mais tagete, tagetão, impatiens (o famoso beijinho) e sálvia, já no fim de outubro trocamos para as de verão, mantendo a sálvia e acrescentando a dália, zinnia e catharantus (conhecida como boa-noite), das mais diversas cores”, diz.

Canteiros de diversos tamanhos e por toda a cidade (foto PMBC) 

O gasto aproximado com os canteiros é, segundo Jéssica, de R$ 700 mil – incluindo flores, arbustos, e insumos, como adubo, terra, húmus, etc. 

“Um ponto que demanda muito a nossa atenção é a Avenida das Flores, que pelo próprio nome exige que a mantenhamos sempre colorida e bonita. Nela optamos sempre por flores chamativas, e trocamos tudo a cada quatro meses. Já nas praças utilizamos mais arbustos, mas também plantamos muitas árvores, só neste ano foram 200, como manacá-da-serra e ipês. Temos equipes para regar os canteiros, que trabalham de segunda a sexta, com um caminhão-pipa e seguindo um roteiro”, explica.

Cores se destacam e chamam a atenção (foto PMBC)   

A diretora aproveita para destacar que tanto os moradores quanto o prefeito Fabrício Oliveira, pediram pela atenção aos canteiros, que são famosos na cidade. 

“Já estamos sendo referência para outras cidades, como Joinville, Porto União e Brusque. O Primavera BC nos incentivou a tentar deixar a cidade ainda mais linda do que nos últimos anos, está sendo especial e estamos nos dedicando muito”, acrescenta.

Equipes trabalham todos os dias, plantando e fazendo manutenção (foto PMBC) 

Jéssica lembra que no departamento de Paisagismo, que fica no Parque Natural Raimundo Malta [o Parque Ecológico, sede da Secretaria do Meio Ambiente], no Bairro dos Municípios, há toda terça e quinta-feira, a partir das 14h, distribuição de mudas de árvores (até quatro por pessoa). 

“Também temos um técnico agrícola que tira dúvida da comunidade sobre quais árvores e flores podem plantar”, completa. 


Floriculturas

Primavera incentiva público a ‘florir’ a casa 

.

Cátia Baldasso, proprietária da Colorida Flor

“A primavera é com certeza a estação mais esperada do ano por nós. É a estação do despertar, do desabrochar. As flores, os passarinhos, as borboletas…  a natureza toda te convidando a se abrir para a vida que renasce. 

Dificilmente você olhará para uma flor e não sorrirá, ou não irá parar para admirá-la. Elas iluminam, alegram e dão vida a qualquer ambiente. 

Nossos clientes já sabem o quanto é bom tê-las por perto todos os dias, seja em casa ou no trabalho. 

As mais procuradas são as orquídeas, girassóis, flores de corte e plantas verdes para ambientes internos. 

Há opções para todos os bolsos, como a partir de R$ 7,00. 

A estação mais colorida em nossa cidade está ainda mais linda com o evento Primavera BC, realizado pela prefeitura”. 

.

Andressa Andreis Cassol, sócia-proprietária da Floricultura Criativa

“Por conta do Primavera BC fechamos um trabalho mensal com um hotel de Balneário; um evento assim acaba sendo muito bacana, porque acabamos acessando clientes que até então não conheciam o nosso trabalho, acaba sendo um incentivo muito positivo. 

A primavera em si, como estação, incentiva as pessoas a quererem ter flores em casa, apesar de que ainda não notamos um aumento considerável nas vendas. 

Nesta época do ano as flores florescem mais. As preferidas são as rosas, orquídeas e girassol, mas temos opções para todos os gostos e bolsos, como mudinhas, flores em vasos para plantar no jardim. Temos flores por R$ 4,50, até mais baratas do que isso. 

Um serviço muito bacana que oferecemos é o de assinatura mensal – toda semana, quem assina, ganha flor nova. Temos opções de planos tanto para casa quanto para apartamento. Muita gente acha que é difícil manter flores, mas dá para colocar em um vaso, na água, e ter uma nova a cada semana. Com a pandemia, as nossas vendas aumentaram muito, pois as pessoas começaram a querer ter mais vida em casa, e flor é vida”. 

.

Mercados também 

(fotos Renata Rutes) 

.

Praticamente todos os supermercados da cidade possuem o setor de floricultura, como é o caso do Meschke (fotos), do Bistek, Imperatriz, Fort Atacadista e do Angeloni. 

Com diversas opções, das baratas às mais caras, há mudas, vasos, e até as famosas suculentas. Para quem quer economizar e ter uma plantinha decorando a casa, vale conferir! 


- Publicidade -
- Publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -