- Publicidade -
- Publicidade -
32.2 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Botafogo leva empate do Santos no fim e perde chance de voltar a ser líder

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL-FOLHAPRESS) – Botafogo e Santos empataram por 1 a 1, hoje (26), no Nilton Santos, pela 35ª rodada do Brasileiro.

O Botafogo decepcionou seu torcedor mais uma vez, já que vencia a partida até os 44 minutos do segundo tempo.

O time da casa abriu o placar com Danilo Barbosa, mas Messias foi o salvador do Peixe ao empatar.

- Publicidade -

O Botafogo, assim, chega ao oitavo jogo sem vencer no Brasileirão e desperdiçou a chance de momentaneamente voltar à liderança do campeonato.

No segundo jogo com o técnico Tiago Nunes, o time alcançou 62 pontos -o mesmo número do Palmeiras, que joga às 18h30 contra o Fortaleza. Para completar, o Verdão ainda tem saldo de gols maior, o que lhe garante a tranquilidade de não ser ultrapassado pelo Botafogo na rodada.

Para o Santos, o empate foi precioso, não só pela circunstância da partida. Com 43 pontos, time aumentou um pouco mais a diferença em relação à zona de rebaixamento e tem a tranquilidade de saber que não entrará no Z4, mesmo que o Cruzeiro vença o Goiás amanhã.

Na próxima rodada, o Santos recebe o Fluminense, na Vila Belmiro, quarta-feira (29), às 19h.

O Botafogo visita o já rebaixado Coritiba, no mesmo dia, mas às 21h30.

BOTAFOGO

Lucas Perri, Danilo Barbosa, Adryelson e Victor Cuesta; Tchê Tchê, Marlon Freitas, Gabriel Pires (Bastos), Eduardo (Luis Henrique) e Victor Sá (Di Placido); Júnior Santos (Segovinha) e Tiquinho Soares (Janderson). T.: Tiago Nunes.

- Publicidade -

SANTOS

João Paulo, Lucas Braga, Messias, Joaquim e Kevyson (Mendoza); Rodrigo Fernández, Camacho (Maxi Silvera), Jean Lucas (Weslley Patati) e Nonato (Lucas Lima); Soteldo e Marcos Leonardo (Julio Furch). T.: Marcelo Fernandes.

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Data/Hora: 26/11/2023, às 16h (de Brasília)

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (FIFA-GO)

Assistentes: Bruno Raphael Pires (FIFA-GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)

VAR: Rodrigo D’Alonso Ferreira (SC)

Público e renda: 26.548 pagantes / R$ 1.107.625

Cartões amarelos: Nonato, Jean Lucas (SAN); Danilo Barbosa (BOT)

Gols: Danilo Barbosa, aos 10’/1ºT (1-0); Messias, 44’/2ºT (1-1)

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -