- Publicidade -
- Publicidade -
18.5 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Sala da Copa: professor de Balneário Camboriú apresenta pela terceira vez acervo com mil itens colecionáveis

O professor de Educação Física Martinho Joel Wolter, 53 anos, que atua há cerca de 20 anos no Centro Educacional Municipal (CEM) Dona Lili, no Bairro da Barra, em Balneário, é fã de esportes – principalmente de futebol. 

(Divulgação/Arquivo pessoal)

Ele tem uma coleção de quase mil itens da modalidade e da Copa do Mundo, agora expostos na Sala da Copa, no Dona Lili, e podem ser visitados pela comunidade sempre às quartas-feiras, das 19h às 21h.

Segundo Martinho, sua paixão pelos esportes é antiga, tanto que virou profissão – ele é professor de Educação Física. 

- Publicidade -

Ele já colecionava alguns itens de futebol, mas o interesse de seus alunos o incentivou a realmente investir nisto. 

“Eu tinha a necessidade de falar sobre a Copa para eles e de mostrar, por isso comecei a selecionar e expor para eles nas Copas. Esta já é a terceira Copa que monto a Sala da Copa, sempre no Dona Lili, que é onde trabalho há cerca de 20 anos”, diz.

O professor relata que há um diferencial: a sua atual geração de alunos até hoje não viu a seleção ser campeã, já que fazem exatos 20 anos do penta, conquistado em 2022. 

(Divulgação/Arquivo pessoal)

“Vejo que todos estão bem ansiosos com essa Copa, isso se reflete no interesse pela Sala da Copa, onde há itens colecionáveis, promocionais e réplicas, até da taça. Tenho chaveiros, moedas, caixas de fósforos, revistas, livros, álbuns de figurinhas, selos, camisas, bolas… o álbum da Copa voltou a fazer sucesso e os alunos adoram, por isso até fizemos troca de figurinhas”, acrescenta.

Questionado pelo jornal, Martinho opina que o Brasil tem chance de conquistar o tão sonhado hexacampeonato. “Acredito que temos chances. É um torneio muito rápido, de um mês. Envolve a questão de encaixar jogos e jogar bem, e por isso vejo que temos chances. Eu tenho esperança de chegarmos na final e sermos hexa”, completa.

(Divulgação/Arquivo pessoal)

A Sala da Copa segue até o fim do ano letivo, em dezembro, no CEM Dona Lili. 

A comunidade geral pode visitá-la sempre nas quartas-feiras, das 19h às 21h; escolas e vizinhos do Dona Lili podem ir de segunda à sexta, das 8h às 12h e das 13h às 17h com agendamento direto com Martinho via (47) 98447-6878.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -