- Publicidade -
- Publicidade -
23 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Três atletas da CPH Triathlon de Balneário Camboriú conquistaram pódio no Ironman Brasil

Ígor Amorelli, Pâmella Oliveira e Bruna Stolf garantiram vaga para o Mundial da modalidade, no Havaí e na França

Os brasileiros foram novamente o maior destaque da 22ª edição do Ironman Brasil, disputada neste domingo (19), em Florianópolis. Eles se destacaram entre 1700 inscritos (profissionais e amadores) de 34 países. 

Entre eles, destaque especial para a CPH Triathlon que levou três dos seus atletas para o pódio da categoria principal: Ígor Amorelli, vice-campeão, Pâmella Oliveira, tricampeã da prova, título inédito, e Bruna Stolf, medalha de bronze.

Os três garantiram vaga para disputar o Ironman Mundial. Ígor em outubro, em Kona, no Havaí e Pâmella e Bruna, em setembro, em Nice, na França.

- Publicidade -

No total, 60 atletas se classificaram para o Mundial, sendo 25 homens e 35 mulheres.

Disputa acirrada

O paulista Reinaldo Colucci, campeão em 2022 e vice no ano passado, foi o vencedor dos 3,8km de natação, 180km de ciclismo e 42,2km de corrida, com o tempo de 7h58´37s. 

Ígor Amorelli (Foto João Lucas)

Ígor Amorelli, de Balneário Camboriú, que fez história ao se tornar o primeiro brasileiro a vencer o Ironman Brasil em 2014, chegou em segundo lugar, com a marca de 8h21´22 e outro brasileiro, Luis Ohde completou o pódio com medalha de bronze e o tempo de 8h31´22s.

A disputa masculina foi bastante acirrada, o argentino Luciano Taccone, campeão do ano passado, saiu na frente, seguido de perto por Igor e Colucci, mas no percurso teve problemas e foi superado. A decisão veio na disputa da corrida, quando Colucci conseguiu superar Ígor, garantindo o título de bicampeão da prova.

Título inédito no Iron

Pâmella Oliveira (Foto Ana Lídia Borba)

Na disputa feminina, Pâmella Oliveira, atleta capixaba radicada em Santa Catarina (Balneário Camboriú) comemorou o título de tricampeã. Ela dominou a competição e além do título, Pâmella comemorou uma conquista inédita: tornou-se a primeira mulher a vencer o Iron três anos consecutivos.

Bruna Stolf (Divulgação/Arquivo Pessoal)

A vice-campeã foi Mariana Andrade (9h16´08) e o terceiro lugar foi para Bruna Stolf (9h23´45), fechando um pódio totalmente brasileiro.

Classificação categoria Profissional

Masculino

- Publicidade -
  1. Reinaldo Colucci (BRA) – 7h58min37
  2. Igor Amorelli (CPH/BRA) – 8h21min22
  3. Luiz Ohde (BRA) – 8h31min24

Feminino:

  1. Pamela Oliveira (CPH/BRA) – 8h57min41
  2. Mariana Borges de Andrade (BRA) – 9h16min08
  3. Bruna Stolf (CPH/BRA) – 9h23min45
- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -