- Publicidade -
- Publicidade -
24.3 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Balneário Camboriú se prepara para o Finados: cemitério da Barra deverá receber 5 mil visitantes

O Cemitério Municipal da Barra deverá receber em torno de cinco mil visitantes, no Dia dos Finados, lembrado na próxima quarta-feira (2).

(Divulgação/PMBC)

Segundo a diretora de Patrimônio da Secretaria de Gestão Administrativa de Balneário Camboriú, Claudineia da Costa Wolff (Zezé), hoje todos os espaços de túmulos estão ocupados (cerca de 3.300), mas que há as gavetas verticais, que tem espaço para pelos mais dois anos. 

“O que está acontecendo é que muitas famílias estão entregando túmulos. Estamos hoje bem mais tranquilos do que em 2017, quando não tinha vaga nenhuma. Tínhamos espaço para cinco meses, e para não usar o que tínhamos tivemos que começar a exumar túmulos abandonados – foram mais de 700 na época”, diz.

- Publicidade -

Cremação social

A prefeitura de Balneário possui convênio (via licitação) com o Crematório Athenas, de Itajaí, para as cremações sociais, voltadas para famílias de Balneário em vulnerabilidade social ou de baixa renda. 

“Porém, as pessoas ainda não têm essa cultura tão forte. A demanda por cremação ainda é muito pequena, mas temos essa opção, sem custo algum. Até isso a gente possibilita. A cremação custa cerca de R$ 970,00, e o município cobre. Para nós se torna barato, pois é parte de terreno que não é ocupado, e também ajuda na questão ambiental. Mas podemos dizer hoje que de 10 falecimentos somente dois optam por cremação, os outros oito escolhem o cemitério”, acrescenta Zezé.

Preparativos para Finados

Segundo Zezé, o cemitério municipal está preparado para receber ao público no Dia de Finados, limpo e organizado. “Neste ano vamos ter um diferencial – as tendas para cultos, que sempre foram no espaço onde estão fazendo a UPA da Barra, serão colocadas na rua de trás, no espaço de divisão do cemitério (velho e anexo 2, o do vertical). Vai ter missa às 9h30, da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, e outras igrejas também participam entregando materiais. Caso alguma outra igreja quiser fazer um culto, basta ir ao Patrimônio para agendarmos horário, ainda dá tempo de organizar”, pontua.

No Dia de Finados também haverá banheiros químicos no local. 

“Considerando que há 3.300 túmulos e mais de sete mil sepultados, deveremos receber pelo menos cinco mil visitantes. Teremos horário especial na segunda e terça-feira (31 e 1º), das 8h às 18h, e na quarta (2), das 7h às 19h. O horário normal de funcionamento é das 8h às 17h. A falta de estacionamento pode ser um problema, porque utilizávamos o terreno da UPA da Barra, mas tem a parte do ginásio e ruas paralelas também. A dica que damos é, que quem puder, vá de carro por aplicativo ou bicicleta”, comenta.

Preocupação com a dengue

A equipe da Vigilância Ambiental, da Secretaria da Saúde, aproveita o Dia de Finados, para orientar a população sobre o cuidado com a dengue. O correto é não levar vasos com água, que pode acumular e tornar-se foco do mosquito Aedes Aegypti, que causa a dengue. 

Balneário tem, até o momento, 1.071 focos do mosquito, 110 casos autóctones, 122 indeterminados, 24 importados e nove não residentes de dengue. 

- Publicidade -

“Sempre pedimos que as pessoas não levem vasos com água, e nesse dia fazemos uma conscientização ainda maior, pedindo para optarem por vasos com areia, explicamos essa questão”, completa Zezé.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -