- Publicidade -
- Publicidade -
26.1 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Município de Camboriú e Itajuí Engenharia condenados a pagar 700 mil por afogamentos no Parque Linear

A justiça de Camboriú condenou solidariamente o município de Camboriú e a empresa Itajuí Engenharia de Obras Ltda. a indenizarem por danos morais familiares de Bruna Stinn e Kauã Nicolas de Azevedo, mortos por afogamento em janeiro de 2016, no Parque Linear, no bairro Santa Regina.

A decisão judicial reconheceu que a empresa Itajuí descumpriu o seu dever de sinalizar o local das obras como perigoso; e a municipalidade negligenciou seu dever de fiscalizar a sinalização e a execução da obra, além de outros pontos. 

A indenização soma R$ 335 mil, cerca de R$ 700 mil em valor atual,

- Publicidade -

O advogado Hélio Marcos Benvenutti, que representou os familiares, informou que estuda recorrer da sentença para aumentar os valores, até porque o caso subirá ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina para reanálise obrigatória da decisão.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -