- Publicidade -
- Publicidade -
26.4 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Apple supera Samsung em celulares, elite brasileira ficou mais rica e o que importa no mercado

**NOVA LÍDER EM CELULARES**

A Apple superou a Samsung no ano passado como a maior fabricante global de celulares, conforme dados do grupo de pesquisa IDC.

A empresa sul-coreana liderava o volume de produção do mercado há 12 anos.

- Publicidade -

EM NÚMEROS

– 234,6 milhões de iPhones foram fabricados pela empresa da maçã em 2023, em uma alta anual de 3,7%;

– 226,6 milhões de aparelhos foram entregues pela Samsung, em um tombo de 13,6% ante 2022;

– 1,17 bilhão de celulares foram fabricados no ano passado, um recuo de 3,2% em relação ao ano anterior.

– A Apple foi a única entre as grandes fabricantes a registrar crescimento anual na produção de aparelhos.

O QUE EXPLICA

À procura de elevar sua margem de lucros diante do cenário de juros altos do ano passado, a Samsung priorizou seus modelos de médio e alto padrão.

- Publicidade -

Dessa forma, a fabricante perdeu participação no segmento de versões populares, afirma Amber Liu, gerente da empresa de análise Canalys.

Nesse segmento, destaque para a chinesa Transsion, que cresceu 30,8% no ano passado e se tornou a líder do mercado africano.

As cinco maiores fabricantes globais em participação de mercado:

– Apple (EUA) – 20,1%;

– Samsung (Coreia do Sul) – 19,4%;

– Xiaomi (China) – 12,5%;

– Oppo (China) – 8,8%;

– Transsion (China) – 8,1%.

**POR FALAR EM APPLE…**

A Suprema Corte dos EUA rejeitou nesta terça os recursos de Apple e Epic Games sobre o resultado do julgamento da produtora de games contra a loja de aplicativos da maçã.

ENTENDA

A desenvolvedora do popular “Fortnite” questiona a taxa que é cobrada pela Apple -que pode chegar a 30%- das compras feitas dentro dos jogos. O jogo está indisponível para os usuários da App Store desde 2020.

Em uma decisão de 2021, uma juíza federal argumentou que a Epic não conseguiu provar qualquer violação das leis antitruste, mas determinou que a Apple liberasse os apps para disponibilizarem formas alternativas de pagamento.

As duas empresas recorreram da decisão, e a Suprema Corte rejeitou os dois pedidos.

E AGORA?

A Apple já alterou sua política da loja de aplicativos para que desenvolvedores incluam links para pagamentos fora da App Store.

Sim, mas a empresa continuará cobrando uma taxa a cada transação feita. A comissão máxima para quem usar um link alternativo de pagamento será de 27% -em vez dos 30%-, enquanto que apps de pequenas desenvolvedoras serão cobrados em 12%.

Não é só a maçã. No fim do ano passado, a própria Epic venceu um processo antitruste que moveu contra o Google em que ela também questionava as taxas cobradas pela big tech e a ausência de uma alternativa para pagamentos além do sistema Android.

O Google nega irregularidades e afirma que irá recorrer da decisão.

**ELITE MAIS RICA**

As 15 mil pessoas mais ricas do país, que representam 0,01% da população, viram sua renda crescer até o triplo do ritmo observado entre o restante da população entre 2017 e 2022.

Já os ganhos da imensa maioria dos brasileiros adultos (os 95% mais pobres) não avançaram mais do que 33% -pouca coisa acima da inflação do período (31%).

É o que aponta a nota técnica elaborada pelo economista Sérgio Gobetti, publicada pelo Observatório de Política Fiscal do FGV Ibre. O estudo foi feito a partir das declarações do IR e utilizou os dados do IBGE sobre a evolução da renda de todos os brasileiros.

EM NÚMEROS

– R$ 2.169.741 foi a renda média mensal dos 15 mil brasileiros mais ricos em 2022; em 2017, era de R$ 1.106.710.

– No 0,1% mais rico (154 mil pessoas), a renda cresceu em média 87% entre 2017 e 2022, já entre os 5% com mais ganhos, a alta foi de 51%.

– Mais de 3 pontos percentuais (de 20,4% para 23,7%) foi o aumento da fatia da renda nacional que foi apropriada pelo 1% mais rico da sociedade brasileira no período.

O que explica o aumento na concentração de renda nesses anos? São dois fatores principais, diz Gobetti:

– Ganhos com a atividade rural (parcialmente isentas), que cresceram especialmente entre os mais ricos;

– Aumento do valor distribuído em forma de lucros e dividendos, que passou de R$ 371 bilhões em 2017 para R$ 830 bilhões em 2022.

O economista afirma que a concentração de renda no topo chegou a níveis recordes.

**A TRIBUTAÇÃO DAS BETS**

A tributação sobre os ganhos dos apostadores esportivos será inferior em relação aos ganhadores da Mega Sena, enquanto que as empresas terão a cobrança de uma alíquota superior à aplicada em outros países.

É o que explicam advogados tributaristas ouvidos pelo repórter Eduardo Cucolo em relação à lei que regulamenta as apostas de alíquota fixa, sancionada pelo presidente Lula no fim de 2023.

COMO SERÁ A TRIBUTAÇÃO

↳ Para os apostadores: 15% de Imposto de Renda sobre o valor obtido com a premiação –na Mega Sena, a cobrança é de 30%.

↳ Para as bets: 12% sobre o valor total das apostas arrecadadas dos jogadores, excluído o valor dos prêmios pagos.

– Elas também estão sujeitas à cobrança de IRPJ/CSLL, PIS/Cofins e ISS.

– Há ainda uma taxa anual de até R$ 1,94 milhão e outorga de R$ 30 milhões para operar por até cinco anos.

COMO FUNCIONA EM OUTROS PAÍSES

↳ Para os apostadores: nos EUA há 24% apenas de imposto federal sobre o prêmio, na Alemanha 5% sobre cada aposta e no Reino Unido as pessoas físicas são isentas.

↳ Para as bets: a alíquota da cobrança sobre o valor das apostas descontado do prêmio pago aos apostadores varia entre de 5% a 25%.

– Na maioria dos outros países, porém, as empresas não têm de pagar impostos comuns a outras empresas, como é o caso no Brasil.

**O QUE MAIS VOCÊ PRECISA SABER**

MERCADO

Governo vê mudança no comando da Vale como brecha para tentar emplacar Mantega. Lula gostaria de ver ex-ministro na presidência da companhia, mas governo pode costurar vaga no conselho.

DESIGUALDADE DE GÊNERO

Governo tenta atrair mulheres para títulos públicos com oferta de seguro para investidoras. Parceria com Banco do Brasil incentiva formação de poupança de longo prazo para educação dos filhos e dependentes.

MERCADO

Dinheiro e disputas por poder criam mitologia sobre os ‘manobristas’ de navios. Em Santos, praticagem diz que críticas são motivadas por armadores que desejam controlar cadeia portuária.

MERCADO

Shows de Taylor Swift no Brasil impulsionam serviços prestados às famílias. IBGE diz que turnê da cantora ajudou atividade a crescer em novembro.

MERCADO

Vítimas de pirâmide financeira têm tendência em cair novamente no esquema, diz estudo. Levantamento da CVM mostra que 45% dos participantes não conseguem identificar as características desse tipo de fraude.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -