Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Polícia
Brigas em Balneário Camboriú: guardas precisaram atirar para dispersar grupo

Terça, 3/11/2020 14:24.
Divulgação PMBC / Ivan Rupp

Publicidade

Pelo menos duas brigas foram registradas em Balneário Camboriú nos últimos dias, em uma delas a Guarda Municipal precisou atirar para dispersar o grupo envolvido – uma ocorreu na Praça da Cultura e outra na frente de uma conveniência. Confira.

Briga e tiros

Na tarde de domingo (1º) a Guarda Municipal precisou intervir em uma briga que ocorria na Praça da Cultura, localizada na Avenida da Lagoa, atrás do Atlântico Shopping. No local, dois grupos teriam iniciado uma discussão. Os guardas informaram que quando chegaram lá, foram ‘recebidos’ com pedras e rojões e tiveram que fazer então ‘disparos não letais’. Ninguém se feriu e os suspeitos foram embora da praça.

Garrafa e pedra

Na manhã de domingo (1º), por volta de 9h45, guardas municipais que estavam na Praça Almirante Tamandaré foram chamados por populares porque dois homens estariam brigando, na frente de uma conveniência. No local, os dois suspeitos foram encontrados, sendo que um deles estava utilizando uma garrafa e o outro uma pedra. Um deles ainda teria ‘dispensado’ uma faca em um bueiro quando viu os GMs chegando. Ambos foram detidos e encaminhados à delegacia.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação PMBC / Ivan Rupp

Brigas em Balneário Camboriú: guardas precisaram atirar para dispersar grupo

Publicidade

Terça, 3/11/2020 14:24.

Pelo menos duas brigas foram registradas em Balneário Camboriú nos últimos dias, em uma delas a Guarda Municipal precisou atirar para dispersar o grupo envolvido – uma ocorreu na Praça da Cultura e outra na frente de uma conveniência. Confira.

Briga e tiros

Na tarde de domingo (1º) a Guarda Municipal precisou intervir em uma briga que ocorria na Praça da Cultura, localizada na Avenida da Lagoa, atrás do Atlântico Shopping. No local, dois grupos teriam iniciado uma discussão. Os guardas informaram que quando chegaram lá, foram ‘recebidos’ com pedras e rojões e tiveram que fazer então ‘disparos não letais’. Ninguém se feriu e os suspeitos foram embora da praça.

Garrafa e pedra

Na manhã de domingo (1º), por volta de 9h45, guardas municipais que estavam na Praça Almirante Tamandaré foram chamados por populares porque dois homens estariam brigando, na frente de uma conveniência. No local, os dois suspeitos foram encontrados, sendo que um deles estava utilizando uma garrafa e o outro uma pedra. Um deles ainda teria ‘dispensado’ uma faca em um bueiro quando viu os GMs chegando. Ambos foram detidos e encaminhados à delegacia.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade