- Publicidade -
- Publicidade -
23.2 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Metrópoles diz que Bolsonaro autorizou seu filho 04 a retirar presentes do arquivo da Presidência da República

O portal Metrópoles, sediado em Brasília, noticiou no final de semana que Jair Renan, o fiho “04” do ex-presidente Jair Bolsonaro, foi autorizado por seu pai a retirar presentes do arquivo da Presidência da República.

O fato tem interesse público em Balneário Camboriú porque o prefeito Fabrício Oliveira anunciou em meados de maio que Jair Renan poderia se candidatar a vereador -e os círculos políticos logo o “promoveram” a potencial candidato a vice-prefeito ou até mesmo prefeito.

Fabrício, deslumbrado pelo bolsonarismo foi além, informando ao Jornal Diário do Litoral que iria se reunir com Jair Renan para aprofundar as tratativas sobre o assunto. “Eu acho uma candidatura bem interessante. Primeiro porque ele tem o desejo de ficar na cidade, o desejo de entrar na política, porque não apoiar? Não vejo objeções em um jovem participar da política”, declarou o prefeito. 

- Publicidade -

Passados três meses do anúncio, o pai do jovem que o prefeito apoia para a política local está enredado em denúncias de desvios de presentes recebidos durante o exercício da presidência.

Jair Renan mora em Balneário Camboriú, nomeado para o escritório do senador Jorge Seif. O Página 3 não conseguiu contato com o “filho 04” de Bolsonaro e nem com a assessoria de comunicação do senador. O espaço fica aberto para manifestações.

Para ler a reportagem do Metrópoles acesse o link

https://www.metropoles.com/colunas/guilherme-amado/filho-04-jair-renan-retirou-presentes-da-presidencia-com-autorizacao-de-bolsonaro

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -