- Publicidade -
- Publicidade -
19.3 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Omar Tomalih diz que a cidade não tem um dono para quem todos devem se curvar

Após um grupo de pré-candidatos a vereador pelo União Brasil emitir nota discordando da substituição do presidente municipal Julimar Dagostin pelo vereador Omar Tomalih, este veio a público nesta segunda-feira, através de nota onde explica seu posicionamento.

O União Brasil é mais um dos partidos tomados de cabresto pelo prefeito Fabrício de Oliveira (Dagostin é seu chefe de gabinete), mas Tomalih não concordou com isso, foi a Florianópolis e acabou nomeado presidente municipal, pelo presidente estadual, o deputado federal Fábio Schiochet.

Na nota, Tomalih desmente que tenha declarado apoio à pré-candidata a prefeita, Juliana Pavan.

- Publicidade -

Fica claro que o União Brasil decidiu não ser vaca do presépio montado por Fabrício de Oliveira e vai negociar politicamente suas alianças, pois é hoje um dos mais fortes partidos brasileiros.

Veja a nota

Nota de Esclarecimento

Ao longo da minha caminhada, tanto na vida pública, como na atividade empresarial, o que mais preservei foi a lealdade, a seriedade e a palavra empenhada. O olho no olho e a verdade, mesmo que ela não agradasse naquele momento, ela sempre nos fortalece para seguir em frente. Como diz o versículo de João: E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.  São pressupostos de quem faz a política com retidão e com respeito ao outro.

Na última semana fui convidado pelo nosso líder, o deputado federal Fábio Schiochet, que é presidente do União Brasil de nosso estado, para ser presidente municipal do União Brasil, em Balneário Camboriú, fato homologado na sexta-feira (21). A possibilidade de estar e ajudar na organização de um partido grande como o União Brasil — forte e estruturado — me deu muito ânimo para pensar um projeto para a cidade. 

Um projeto feito com muitas mãos, com todos aqueles que assim como eu querem uma Balneário Camboriú que avance, que consolide as conquistas que fazem bem para a comunidade, mas que queira mais. Tudo isso ouvindo e construindo, sem prepotências ou vaidades, com abertura para somar e não isolar pessoas. 

Vou colocar à disposição deste debate, o meu nome e o meu histórico de gestor, minha visão de desenvolvimento e o meu compromisso com um diálogo de verdade.

- Publicidade -

E para isso, diferentemente de muitas informações que saíram na mídia ou em redes sociais nas últimas horas, não fiz nenhuma declaração sobre qualquer tipo de apoio às pré candidaturas existentes. 

Portanto, trata-se de uma informação improcedente e talvez armada por aqueles que não respeitam a minha honrada trajetória.

Reforço que respeito as lideranças políticas do município, mas acredito que o processo democrático avança sem imposições, como se a cidade tivesse um dono onde todos precisam se curvar e fazer o que ele determina.  Ou que só existem os preferidos que estão postos à mesa. Na democracia avançamos, repito, com diálogo e construção. 

E nessa construção de projeto para a cidade de Balneário Camburiú, poderemos, conversar com todos os partidos, lideranças empresariais e comunitárias que estão dispostos a trabalhar por uma Balneário Camboriú ainda melhor para se viver, investir, cuidando das pessoas e nossas famílias!


Para receber notícias do Página 3 por whatsapp, acesse este link, clique aqui




- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -