- Publicidade -
- Publicidade -
22.8 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

378 casos positivos de Dengue em Balneário Camboriú: mutirão no Bairro das Nações acontece neste sábado

Balneário Camboriú registrou 378 casos positivos de Dengue, segundo boletim epidemiológico divulgado nesta sexta-feira (15) pela Secretaria de Saúde da cidade. 

Diversas ações de combate estão acontecendo na cidade – como neste sábado (16), quando agentes de endemias estarão no Bairro das Nações para um mutirão contra a dengue, com início às 8h30 na esquina da Rua Jamaica com a Avenida Martin Luther. A ação percorrerá as demais ruas do bairro até o meio-dia, com visita às casas.

(Divulgação/PMBC)

378 positivos e 887 aguardando resultado

Segundo a Secretaria de Saúde, há 378 casos positivos de Dengue e ainda 887 exames que aguardam a liberação dos resultados. Dos casos positivos, 193 são considerados autóctones (aqueles contraídos na cidade). Oito casos foram importados de outros municípios, 95 são indeterminados e 82 estão em investigação.

- Publicidade -

Mutirão no Nações

No mutirão deste sábado no Bairro das Nações, os agentes vão alertar os moradores sobre como o mosquito Aedes aegypti (transmissor da doença) se prolifera, além de identificar criadouros. Além do trabalho de conscientização feito pela Secretaria da Saúde, haverá, com o auxílio da Secretaria de Obras, o recolhimento de resíduos em desuso, que estejam acumulando água nos pátios. Em caso de chuva, o mutirão será adiado.

Saiba reconhecer os sintomas

Os altos números de casos da doença levam muitas pessoas a procurar diretamente as unidades de saúde, o que está causando grandes filas de espera. 

Por isso, é importante saber diferenciar os sintomas da dengue de doenças como a gripe. 

Normalmente, a primeira manifestação da dengue é a febre alta, de início abrupto, que geralmente dura de dois a sete dias, acompanhada de dor de cabeça, dores no corpo e nas articulações, além de prostração, fraqueza, dor atrás dos olhos e manchas vermelhas na pele.

Prefeitura pede que comunidade utilize serviço de telemedicina

Para casos leves da doença, a opção é o serviço de telemedicina, voltado a moradores da cidade. Através do 0800 888 6556, os pacientes são atendidos em casa, sem precisar ir até uma unidade de saúde. Se há necessidade de medicamento ou atestado médico, o profissional emite. Tudo gratuito e sem esperar na fila do hospital ou unidade de pronto atendimento.

Centro Especializado e UPA/PA

Para pacientes com suspeita da doença, a Secretaria de Saúde de Balneário Camboriú disponibiliza o Centro Municipal de Referência à Dengue, que funciona anexo ao antigo pronto-socorro do Hospital Ruth Cardoso. 

O local funciona de segunda à sexta-feira, das 7h às 19h, exclusivamente para moradores da cidade com cadastro ativo na rede municipal de saúde.

- Publicidade -

Nos finais de semana e no período noturno, a UPA do Bairro das Nações e a PA da Barra também acolhem a população.

Incidência de focos do mosquito por bairros

Dados do programa de Combate a Endemias mostram que a cidade já identificou 335 focos do mosquito Aedes aegypti em armadilhas e pontos estratégicos desde o início do ano, divididos pelos seguintes bairros: Centro: 85, Nova Esperança: 46, Barra: 37, Nações: 20, Estados: 21, Amores: 18, Municípios: 18, Ariribá: 18, São Judas: 12, Estaleirinho: 10, Estaleiro: 11, Iate Clube: 9, Taquaras: 8, Vila Real: 5, Laranjeiras: 4, Pinho: 4, Várzea do Ranchinho: 4 e Pioneiros: 2.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -