- Publicidade -
17.9 C
Balneário Camboriú

Balneário Camboriú começou a vacinar maiores de 56 anos sem comorbidades nesta sexta-feira

Sábado amplia a vacinação para 55 anos ou mais

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Com a chegada de 2.670 doses da vacina AstraZeneca, da Fiocruz, e 1.770 doses da Pfizer, da BioNTech, nesta quinta-feira (10), a Secretaria da Saúde ampliou a faixa etária da vacinação para pessoas de 56 anos ou mais, sem comorbidades, a partir desta sexta-feira (11). 

 A imunização é feita no Posto Central da Rua 1500, das 8h às 17h e no drive-thru, ao lado do colégio Ivo Silveira. Nas demais unidades de saúde ocorre das 8h às 12h e das 13h30 às 17h. Para se vacinar é necessário apresentar documento oficial com foto e comprovante de residência.

- Publicidade -

No sábado (12) a vacinação será para pessoas com 55 anos ou mais, no Posto da Rua 1500 e no drive-thru.

Quem mais?

*Pessoas de 18 anos ou mais que tenham as seguintes comorbidades: Diabetes Mellitus; Pneumopatias crônicas graves; Hipertensão Arterial; Insuficiência cardíaca; Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar; Cardiopatias; Arritmia cardíaca; Doença cérebro vascular; Doença renal crônica; Imunossuprimidos; Hemoglobinopatias graves; Obesidade mórbida; Cirrose hepática; e Pessoas com deficiência sem cadastro no Benefício de Prestação Continuada (BPC).

*Pessoas acima de 18 anos com síndrome de Down, transplantados, portadores de fibrose cística e pessoas com deficiência permanente cadastradas no Benefício de Prestação Continuada (BPC). Pacientes renais crônicos em hemodiálise serão vacinados na Pró-Rim. Gestantes e puérperas com comorbidades, com idade acima de 18, devem se imunizar na unidade de saúde do Centro para receber a vacina da CoronaVac ou Pfizer, conforme preconiza o Ministério da Saúde.

Todos precisam apresentar atestado médico original e cópia, assinado e com CID, válido por um ano, comprovando a comorbidade. Além de documento oficial com foto e comprovante de residência.

- Publicidade -

*Profissionais da área da educação – Professores e auxiliares que atuam em Educação Especial e em Educação Infantil, Fundamental, Médio, Superior e Profissionalizante, além de profissionais da educação que atuam de forma presencial e remota. Profissionais da equipe técnica, administrativa e pedagógica que atuam na execução do Plano de Contingência para a Educação (PlanConEdu); Profissionais da educação que atuam nas atividades de limpeza, alimentação, serviços gerais e similares. 

É necessário apresentar documento oficial com foto e declaração comprobatória assinada pelo gestor da unidade escolar.

*Pessoas sem comorbidades e profissionais da saúde – Primeira dose em pessoas, sem comorbidades, com 56 anos ou mais e segunda dose em idosos de 66 anos ou mais; Profissionais de saúde com mais de 18 anos. 

É preciso apresentar documento oficial com foto e comprovante de residência para se vacinar. Para segunda dose é preciso apresentar carteira de vacinação. Para os profissionais de saúde é necessário também levar comprovante de vínculo empregatício.

*Efetivos das forças de segurança  – Efetivos e estagiários da Secretaria de Segurança Pública, da Polícia Militar, da Polícia Civil, do Corpo de Bombeiros Militar e Voluntários, do Instituto Geral de Perícias, da Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa, da Defesa Civil, da Polícia Rodoviária Federal e Estadual, das Forças Armadas do Exército, da Marinha e da Aeronáutica e os(as) Guardas Municipais.

É preciso apresentar documento oficial com foto, comprovante de residência e comprovante de vínculo empregatício ou documento comprobatório assinado pela chefia da corporação.

Quantos imunizados?

Segundo a prefeitura, Balneário Camboriú imunizou até quinta-feira (10)  43.864 pessoas com a primeira dose: 7.332 profissionais da saúde, 25.126 pessoas com 58 anos ou mais, 730 profissionais das Forças de Segurança, Salvamento e Armadas, 2.378 professores e auxiliares das redes públicas e privadas e 8.298 pessoas da nova fase prioritária que envolve pessoas com síndrome de Down, transplantados, gestantes, deficientes e comorbidade.

Até quinta-feira (10), 19.474 pessoas receberam a segunda dose.

- Publicidade -

Jornal Página 3 nas redes

39,752FãsCurtir
18,100SeguidoresSeguir
6,507SeguidoresSeguir
12,000InscritosInscrever
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -