- Publicidade -
25.4 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Janeiro Branco: equipes dos programas ‘Abraço’ também atendem turistas neste verão

A campanha nacional Janeiro Branco, criada para falar sobre saúde mental, ganhou espaço nos cinco programas municipais Abraço (À Vida, À Mulher, Ao Idoso, Ao Jovem, Animal, etc.), que são focados em moradores de Balneário Camboriú e agora foi ampliada para atender turistas também.

A equipe de psicólogos e demais especialistas da Secretaria da Inclusão Social abriram espaço para atender turistas que estão na cidade, já que não é possível saber quando as pessoas precisarão de apoio psicológico.

Janeiro Branco

A psicóloga Caroline Baccin, que atua no programa Abraço, salienta que campanhas como Setembro Amarelo (que trata da prevenção ao suicídio) e agora o Janeiro Branco, com ênfase na saúde mental, são importantes por ‘trazerem à luz’ temas que precisam ser mais debatidos.

“Além de intensificarem as ações voltadas para a saúde mental, com essas campanhas também é ampliada a conscientização que precisamos ter com a nossa saúde emocional, além de diminuir os estigmas e preconceitos relacionados à essas doenças, levando informações corretas para a população, como o que é saúde mental e onde as pessoas podem encontrar o tratamento adequado em seu município, além de promoção de saúde e prevenção das doenças, criando todo um diálogo”, comenta.

Suporte para moradores e turistas

- Publicidade -

A psicóloga enfatiza que o governo municipal de Balneário sempre priorizou esse lado humanizado, tanto que foi na atual gestão que foram criados os programas Abraço.

“Ampliando a rede de suporte para saúde mental, que foi o grande objetivo dos programas Abraço. Foi tão bem sucedido que nos tornamos referência nacional, e fomos pioneiros. Diante desse sucesso e relevância, decidimos ampliar aos turistas. Sabemos que o turismo é importante para o nosso município, somos um dos principais destinos no verão”, diz.

A ideia de atender turistas surgiu através do prefeito Fabrício Oliveira e da secretária de Inclusão Social, Christina Barichello.

- Publicidade -

“Anteriormente nossos programas tinham sede na Casa da Mulher e do Voluntário (na Rua 2.850, no centro da cidade), e temporariamente, até março, transferimos para o Centro Operacional que foi instalado na Praia Central [perto do Calçadão] até março. Desde a inauguração, em 29 de dezembro, até o fim do verão, a nossa equipe ficará disponibilizando atendimentos em saúde mental 24h com psicólogos para todas as pessoas que estiverem em Balneário Camboriú e sentirem a necessidade desse suporte, desse acolhimento”, pontua.

9.053 atendimentos no Abraço à Mulher e 21.991 no Abraço à Vida, em 2021

Através do programa Abraço à Mulher são assistidas mulheres vítimas de violência doméstica. A Guarda Municipal divulgou que foram atendidas mais de 300 ocorrências de violência doméstica em Balneário Camboriú no ano de 2021, e o programa Abraço, segundo Caroline, também sentiu esse aumento [em 2019 o programa Abraço à Mulher atendeu 2.835 casos, em 2020 6.322 e em 2021 9.053].

“Pelo contexto que vivemos há dois anos, a pandemia, o aumento do consumo de álcool e drogas, a preocupação frequente com o que vai acontecer, todos esses fatores contribuíram para o aumento de casos de violência doméstica e também adoecimento mental, com aumento de atendimentos tanto no Abraço à Mulher quanto no Abraço à Vida [em 2018 foram 1.858 atendimentos, em 2019, 9.686, em 2020, 9.736 e em 2021, 21.991]. Não temos como impedir que sentimentos ruins nos afetem, mas no momento em que esses sentimentos começam a interferir no nosso dia a dia, nas nossas relações, trabalho ou estudos, é um alerta para buscar ajuda correta”, acrescenta.

Dicas para uma boa saúde mental

Caroline aproveita para citar que a prevenção é a chave – as pessoas devem cuidar da saúde mental antes de adoecerem, com depressão ou ansiedade, por exemplo.
“Atos simples como ter uma alimentação de saudável, uma rotina de exercícios, estar perto de pessoas que a gente ama, ter momentos prazerosos como um banho um pouco mais demorado, ouvir uma música, ter lazer, até mesmo um abraço… são atos simples que completam o nosso bem-estar”, completa.

Em caso de necessidade, os programas Abraço à Vida e Abraço à Mulher atuam 24h, todos os dias da semana, incluindo domingos e feriados: (47) 99982-1906 (Abraço À Mulher); (47) 99982-2322 (Abraço à Vida).

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -