- Publicidade -
- Publicidade -
22.8 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Paciente com 110 anos recebe aparelho no Serviço Ambulatorial de Saúde Auditiva da Univali 

Na véspera de completar 110 anos, a mineira Ana Ferreira Pinto, que mora há três anos em Ilhota, recebeu um aparelho auditivo, na sexta-feira (18), no Serviço Ambulatorial de Saúde Auditiva (Sasa) da Universidade do Vale do Itajaí (Univali). Ela é a paciente com mais idade que já foi atendida neste Serviço.

A responsável técnica pelo Sasa, professora Débora Frizzo Pagnossin explicou que são atendidos mais de mil pacientes por mês, mas este caso é inédito.

“Impossível não nos emocionarmos com um caso como este. Ao adaptarmos o aparelho, observamos imediatamente uma mudança no comportamento na paciente, que apresentou-se mais falante e respondeu prontamente ao que lhe pediam. Foi um momento muito especial para a equipe e para a família”, disse Débora.

- Publicidade -

A mineira de Turmalina iniciou o atendimento no Sasa em maio deste ano.

Sasa

O Sasa é credenciado ao Ministério da Saúde desde 2005 e já realizou a adaptação de aparelhos auditivos em mais de 25 mil pessoas. O serviço é realizado por meio de uma parceria com o Governo do Estado e a Prefeitura de Itajaí.

O Sasa atende pessoas de todas as idades que apresentam deficiência auditiva, realizando o diagnóstico, o fornecimento, a adaptação dos aparelhos e o acompanhamento dos pacientes a fim de minimizar os efeitos causados pela perda auditiva.

O serviço, referência no atendimento especializado e acompanhamento multidisciplinar, atende pacientes de 52 municípios do Vale, Médio Vale e Alto Vale do Itajaí. O serviço é vinculado ao curso de Fonoaudiologia e o local também é utilizado como campo de estágio para os acadêmicos.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -