- Publicidade -
25.8 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Aumento nos casos de violência doméstica em Balneário Camboriú

A Guarda Municipal divulgou que foram atendidas mais de 300 ocorrências de violência doméstica em Balneário Camboriú no ano de 2021, e o programa Abraço à Mulher  também registrou esse aumento [em 2019 o programa Abraço à Mulher atendeu 2.835 casos, em 2020 6.322 e em 2021 9.053].

O Abraço funciona 24 horas, inclusive aos finais de semana e feriados via WhatsApp ou ligação telefônica pelo número (47) 9 99821906. O serviço focado em moradoras de Balneário e turistas (até março – saiba mais aqui) presta suporte psicológico e de assistência social para mulheres vítimas de violência – seja de qualquer tipo, como psicológica, física, sexual, financeira, etc.

Denuncie

Central de Atendimento à Mulher

Ligue 180 é um serviço ofertado pela Polícia Civil, válido em todo o território nacional, com o objetivo de receber denúncias ou relatos de violência, além de orientar as mulheres sobre seus direitos, encaminhando-as para a Rede de Apoio local.        

Grupo de Proteção às Mulheres

Basta ligar ao 153 ou diretamente pelo Grupo de Proteção à Mulher da Guarda Municipal de Balneário Camboriú (47) 9982-2275, onde as guardas do GPM se deslocam imediatamente e prestam o apoio que for necessário à vítima. O GPM atende apenas moradoras de Balneário Camboriú, por ser um departamento da Guarda Municipal da cidade.   

Rede Catarina

A Polícia Militar possui o programa Rede Catarina, que também assiste mulheres vítimas de violência doméstica. Denúncias podem ser feitas via 190.   

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -