- Publicidade -
- Publicidade -
23.9 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

‘Como será a cidade que queremos’ é o tema do espetáculo aberto ao público nesta sexta-feira

O espetáculo ‘Sociograma da Cidade: Como será a cidade que queremos’ vai movimentar o Instituto Sentir, nesta sexta-feira (31), às 20h, e as pessoas que comparecerem podem escolher apenas assistir ou participar da dramatização.

Realizado pelo grupo de estudos psicodramáticos do Instituto Sentir/UBV, formado por 14 pessoas, entre atores, artistas, médicos, psicólogos, assistentes sociais, estudantes de ciências da saúde, o espetáculo abre espaço para cada pessoa colocar como a cidade poderia ser melhor.

O psicodramatista Claudemir Casarin é o diretor do espetáculo e trabalha em parceria com a atriz e coordenadora do Instituto Sentir, Lenita Novaes.

“A peça encenada é uma criança coletiva das pessoas presentes, a partir das metodologia da psicologia de grupo, chamada Psicodrama”, detalhou Casarin.

- Publicidade -

Ele explica que uma sessão de sociodrama é uma experiência única, porque as pessoas vêm ao teatro e descobrem que o palco está disponível, aberto para elas e, embora existam atores e atrizes auxiliares, ninguém consegue diferenciar o público dos profissionais que sobem ao palco. 

“Ao fim do espetáculo nos damos conta que assistimos uma peça que foi criada, escrita, produzida, dirigida e atuada, tudo ao mesmo tempo, a partir do momento em que entramos no teatro. De certo para o espetáculo que acontecerá, nesta sexta, no Instituto Sentir, apenas a temática do encontro. Vamos psicodramatizar as idéias, os sonhos, os projetos, a visão das pessoas presentes sobre a nossa cidade”, disse o diretor. 

A entrada é franca e todas as pessoas estão convidadas para o Sociodrama da Cidade. O Instituto Sentir está localizado na Rua 1950, num.901.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -