- Publicidade -
- Publicidade -
17.1 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Roda de Conversa online sobre ‘Solidão e terceira idade’ aberta ao público será nesta terça

O evento é a contrapartida do curta metragem ‘Maré’

A Roda de Conversa ‘Solidão e a Terceira Idade’, que acontecerá nesta terça-feira (8), às 17h30 na plataforma zoom, online, aberto para interação e participação do público, é a contrapartida sociocultural do projeto aprovado pela LIC, da Fundação Cultural de Balneário Camboriú, para produção do curta metragem ‘Maré’. 

O filme que teve estreia dia 17 de dezembro, foi rodado na praia de Taquaras e já ganhou 4 prêmios no festival “Curta Alagoinha”- Alagoinha (PE), os prêmios foram de Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Roteiro, e Melhor Ator para Gringo Starr, que fará parte da Roda de Conversa.

No filme Gringo protagoniza um personagem de terceira idade, profundamente doente, que recebe a visita de um jovem que o faz revisitar o passado e rever suas escolhas de vida.

- Publicidade -

A produtora executiva do filme, Dagma Castro explicou que o tema para a Roda de Conversa é muito pertinente, porque em Balneário Camboriú, que tem perto de 150 mil habitantes,  vivem em torno de 30 mil pessoas com mais de 60 anos; ou seja quase 1/5 da população. 

“Este número carrega muitas questões sociais além de representar uma parcela que não é economicamente ativa na cidade, ou seja já não tem atividades profissionais que os envolva, então nos perguntamos: como inventam seus dias? Com quem moram? O que a cidade lhes oferece? E tantas outras questões que nos vem à baila. Daí trazer a narrativa do filme para dialogar com pessoas que atuam na linha frente atendendo esta população e também alguns personagens de nossa cidade que somam nestes números. Assim pensamos ser importante dialogar no eixo cidade x cultura”, disse. 

O diretor do Maré, Jaques Rangel entende que “um filme sempre tem uma narrativa que precisa ser dialogada com o público, neste caso um idoso que enfrenta uma etapa difícil da vida; na verdade o caminho que todos naturalmente cursaremos, buscamos aliar diversos fatores da vida para não ser a sorte à nos levar aos 80,90, mas sim nossas escolhas”.

Convidados

Para a Roda de Conversa a produção convidou nove pessoas.

Alguns que já chegaram aos 80 anos e até mais, outros que estão próximo desta idade e em plena atividade profissional ou aposentados, mas em processos criativos no universo da cultura e ainda os que estão na linha de frente do atendimento na Secretaria da Pessoa Idosa, como por exemplo do programa ‘Abraço’, que promove acolhimento, proteção e apoio para as pessoas de 60+ vítimas de violência.

Saiba quem são os integrantes da Roda de Conversa:

- Publicidade -

Luciano Pedro Estevão

Formado em Letras e Psicologia. Especialista em Psicodrama e Neuropsicologia. Mestrado em Psicologia. Atua como psicólogo e produtor cultural e ator. Coordenador da Associação Brasileira de Alzheimer/Sub regional Balneário Camboriú. Foi Conselheiro Estadual de Cultura (suplente 2019/2021) e pela segunda vez está Presidente do Conselho Municipal de Política Cultural de Balneário Camboriú.

@lucianopedroestevao

Ignez Basseggio Müller

Natural de Itá SC, 82 anos, aos três anos de idade, mudou-se para Concórdia SC. Estudou até a 4a série do primário, mas sempre teve habilidades artísticas e tornou-se designer de interiores autodidata.

Atuou com restaurante por mais de 25 anos.

Na pandemia, isolada em sua casa em Bombinhas, ela desenvolveu uma técnica de arte com madeiras de demolição, que estavam guardadas para uso em sua lareira. Começou a pintar faróis, remos, barcos, peixes e com a venda dessas peças, ajudou pessoas em vulnerabilidade social. Reside em Bombinhas, sozinha, há cerca de 18 anos.

@ignezbassegiomuller

Antonio Cotrim

Administrador aposentado, 78 anos, reside em BC desde 2009. Como voluntário participa do Conselho Municipal do Idoso desde 2016. Ocupou a Coordenadoria de Defesa dos Diretos do Idoso na Secretaria Municipal da Pessoa Idosa em 2019. É membro do Instituto Velhice Feliz.

@cotrim_antonio

Maristela Rocha

Bacharela em Direito e cursando o terceiro ano de Psicologia. Atualmente está parte da Equipe Multidiciplinar do Programa Abraço ao Idoso da Secretaria da Pessoa Idosa.

@mariiii.rocha

Rose Spíndola

Aposentada, artista plástica e escritora autora. Autodidata, tanto nas tintas e na literatura com oito livros escritos, vários contos e diversas exposições, 80 letras de músicas. Títulos publicados: “As aventuras de um Guru…çá Sabichão”(2016); “O casamento do sapo Feliz com a cobra Sorridente”(2017);

“Tiaguinho, Ritinha e a gaivota Felicidade” (2018); Consta da publicação de Antologias pela Academia Bal. Camboriú; é Membro da Academia de Letras – seccional Balneário Piçarras e ANACLA-Academia Nacional de Ciências, Letras e Artes. Rose também é artista visual com exposições individual e coletivas, é parte do GAP-Grupo de Artistas Plásticos de BC e do Urban Scketchers BC.

@rosespindolaescritora

Juliethe Nitz

Advogada, ex vereadora e atualmente está Secretária da Pessoa Idosa.

@juliethenitz

Lenita Novaes

Nascida em Ribeirão Claro (PR), 82 anos, reside em Balneário Camboriú desde 1972, Psicóloga, Psicodramatista e Arteterapeuta. Sócia fundadora do Instituto de Psicologia Sentir, desde 1997. Lenita é atriz e figurinista, membro atuante nos movimentos culturais da cidade é reconhecida como a “mãe de cultura de BC”. Já esteve vereadora e tem reconhecimento como Cidadã Honorária.

@novaeslenita

Jaques Rangel

Diretor de fotografia, apaixonado por arte, cinema e propaganda. Iniciou como técnico de som trabalhando com bandas em grandes turnês, depois na produção de material publicitário de audiovisual, colecionando diversos prêmios. Jaques conta com um portfólio de peças publicitárias para marcas nacionais como Tenys Pé Baruel, Volkswagen, Gol, Senac e Ministério do Turismo e internacionais como JBL, Delta Airlines, Mizuno, Porsche, BMW, Renaut, Honda, e Ironman, entre outras. Como diretor de fotografia no cinema assinou diversos filmes e Documentários, também com muitos prêmios, inclusive no curtametragem Maré.

@jaquesrangel

Gringo Starr

Uruguaio, filho e neto de músicos, sempre teve sua vida cercada de arte, música e palcos. Aos 3 anos pousou para foto, estreou nos palcos com 7 anos, aos 12 iniciou estudos em música e montou uma banda, onde ganhou vários prêmios como intérprete, lhe despertando também para a atuação. Estudou e se construiu ator. No espetáculo de Carmen Fossari viveu Pablo Neruda com dezenas de apresentações, inclusive no Chile. Sua trajetória conta com mais de quatro dezenas de filmes, entre curtas, médias e longas, e inúmeras peças teatrais. Gringo também se entrega a formação de talentos, é preparador de elenco, facilitador de oratória, produtor, diretor de elenco e sócio proprietário da Aktoro Escola de Formação de Atores. Também é membro da Academia Brasileira de Letras e está presidente do Sintracine – Sindicato dos Trabalhadores de Cinema de SC. No curta Maré protagonizou o personagem Chico.

@gringostarr55

Serviço

Roda de Conversa

Data: Terça-feira  (8)

Horário às 17h30

Local: plataforma zoom – disponível no perfil do Instagram do filme: @curtamare / contato: (47) 996776048 – Dagma Castro/produção executiva


Para receber notícias do Página 3 por whatsapp, acesse este link, clique aqui




- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -