- Publicidade -
24.3 C
Balneário Camboriú

Mala Direta, por Jonas Ramos

Na quinta-feira passada a Câmara de Vereadores me presenteou, por meio da indicação do Vereador Eduardo Iba, a comenda de titulo de Cidadão Honorário de Balneário Camboriú. Confesso que foi um dos dias mais importantes da minha vida. Essa cidade como disse nos dois minutos que me foi concedido “a gente escolhe e ela nos acolhe”. Desconheço outro lugar que dê tanta oportunidade para quem sonha com uma vida melhor. Agradeço ao vereador Iba pela honraria e aos demais membros do Legislativo, alguns, amigos de longas décadas. Meu particular amigo Pedro Paulo Gonçalves tem boa parte dessa concessão.

Obrigado Balneário Camboriú por tudo que me proporcionou, especialmente família, amigos e trabalho. Com orgulho oficializei aquilo que sinto há muito tempo, sou um cidadão Balneocamboriuense. Amor eterno.

(foto Pedro Paulo Gonçalves)

Vereador Eduardo Iba em visita ao escritório de advocacia…

(foto Pedro Paulo Gonçalves)

…e na Câmara entregando a comenda.

(foto Arquivo pessoal)

Jonas comemorou a homenagem com uma expressão que resume tudo: ‘amor eterno’


ELEIÇÕES

A OAB catarinense decide nesta quinta (25) seus rumos e decidirá quem vai comandar a OAB estadual e as seccionais espelhadas por todo o estado.

A eleição estadual está manchada por uma série de denúncias e baixarias patrocinadas pelas chapas concorrentes da atual diretoria, que tem a Dra.Cláudia Prudêncio como candidata a presidente e na presidência da CAASC o ex- presidente da OAB local Dr. Juliano Mandelli.

Aqui em Balneário Camboriú houve uma reviravolta e a chapa 101 teve que realizar uma troca na chapa 101 da Dra. Rosemeri Farina – por motivos pessoais- pela Dra. Emanuelle Carnevalli, o que de forma alguma prejudica os  compromissos assumidos anteriormente.

A justiça local determinou liminarmente que o candidato da chapa 102 liderada pelo advogado Michel Amorim, retirasse das redes sociais matérias ofensivas à candidata a estadual da chapa 4.

LIXO

Outro dia causou surpresa a frequentadores da Academia CPH o fato inusitado de um motorista que parou na rua em frente, abrir a porta do carro e jogar junto a guia (calçada) todo lixo que tinha dentro do carro. Ficaram espalhados pela rua restos de embalagens do McDonald’s. A Rua ficou emporcalhada por causa de um cidadão que não conhece a palavra cidadania. Ou seja, despreparado pra viver em sociedade. Um sujismundo.

.

VITRINE

  • Pra quem acha que não tem solução que nos livre da dupla nefasta Lula/Bolsonaro, a boa notícia é que a candidatura de Sérgio Moro já passou de dois dígitos e cresce a cada dia. A certeza de que sua candidatura tem possibilidades se dá na medida que começam os ataques à sua pessoa. A tendência é de crescimento e esperança pra quem quer ver o Brasil livre do centrão, que agora se juntou a Bolsonaro por meio do mensaleiro Valdemar da Costa Neto, eterno presidente do PL.
  • Enquanto isso o PSDB que já nos brindou com o plano Real e salvou a economia brasileira por muitos anos e havia nos livrado da inflação, promove um vexame atrás do outro. Brigas internas, traições com declaração de voto a Bolsonaro e até a Lula, e sequer conseguiram realizar as prévias como previsto. Está ladeira abaixo.
  • No nosso condomínio cuidamos com carinho das floreiras e procuramos dar um aspecto agradável ao nosso entorno. Na quarta-feira à noite três jovens pararam ao lado das floreiras e vandalizaram parte delas sem o menor constrangimento. Saíram rindo e pulando feitos uns idiotas.
  • As calçadas estão cada dia mais ocupadas por mesas, cadeiras, banners e pasmem até carrinhos (tipo de picolés) vendendo cerveja. A temporada se avizinha e a prefeitura se não começar logo a coibir essas práticas abusivas de uso do espaço público, vai perder as rédeas do controle da cidade. Mãos à obra.
  • Estive na Celesc para pedir uma religação de luz para uma argentina que não pode se deslocar para o Brasil. A burocracia e a má vontade do servidor público foram obstáculos intransponíveis. Não aceitou documentos impressos com carimbo de cartórios argentinos. Queria os originais, sendo que pela internet é possível juntá-los digitalmente. Só pra esclarecer: tratava-se da mesma residência já cadastrada, mesma titular da conta de energia e procuração válida. Prejudicou o cidadão e a Celesc que deixa de faturar e arrecadar inclusive para pagá-lo. A burocracia acaba com a vida do cidadão.

ESSE ANO FAÇA CERTO. FISCALIZE AS AÇÕES DO SEU DEPUTADO.
FAÇA A SUA PARTE.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -