- Publicidade -
- Publicidade -
29.2 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Projeto Oficinas de Teatro, Teclado e Literatura de Balneário Camboriú realizòu Mostra Cultural na Barra


Uma mostra de artes integradas, inspirada no livro “Mesma Nova história”, de Everson Bertucci, professor da rede municipal de educação, foi apresentada esta semana, na Barra, por alunos do Projeto Oficinas de Teatro, Teclado e Literatura e Contação de Histórias oferecida pelo Centro Educacional de Atendimento no Contraturno (CEAC).

A coordenadora do CEAC, Noemi Löser disse que o teatro na infância é um aporte no desenvolvimento da criatividade através de jogos teatrais, do senso de coletivo a partir das dinâmicas não competitivas, desperta autonomia para criar, eleva a auto estima da criança, desenvolve raciocínio lógico, motricidade e auxilia no despertar da reflexão crítica.

“São esses elementos que crianças de 6 a 8 anos apresentam como resultado na mostra de Teatro e Infâncias do CEAC – Projeto Oficinas.

“Dentro de “Caixa de Brinquedos”, várias bonecas ganham vida. São crianças protagonizando suas ideias! Vieram dar um recado para nós, crianças de hoje. Sobre o brincar, sobre a brincadeira e sobre o brinquedo que aos poucos vai perdendo espaço para novas telas, tecnologias e jogos eletrônicos. O brinquedo, a brincadeira e o teatro no meio disso, são aporte para o desenvolvimento motor, criativo, coletivo e principalmente para a percepção e descobrimento do outro e do espaço”, disse Noemi.

Ela segue explicando que “Brincadeiras de Crianças” já é um manifesto, um grito de guerra, uma introdução ao universo dos direitos e deveres.

“O que é ECA? O que é ser Criança? Qual é a brincadeira? Porque brincar é urgente e é sobre esse tema que as crianças das aulas de Teatro nos ajudam a olhar. Com brincadeiras, brinquedos e frases de guerra, com jogos e dinâmicas, mostram que, mesmo pequenos, são gigantes pensantes e disponíveis para novas experiências de aprendizado”, acrescentou.

O professor regente dessa oficina é Guilherme de Moraes Trautmann, professor de Teatro formado pela Universidade do Estado de Santa Catarina.

Começou a estudar teatro na rede municipal de Balneário Camboriú quando ainda era aluno em 2003, desde então nunca parou.

Além de professor é ator, diretor teatral e produtor cultural.

Para alunos dos 6 aos 17

O Teatro é uma das oficinas do Centro Educacional de Atendimento no Contraturno (CEAC) – Projeto Oficinas, que é uma Escola Membro da Organização das Nações unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).

O CEAC é vinculado a Secretaria Municipal de Educacao. Tem sua sede na Rua Canelinha, 139 – Bairro dos Municípios e polos na Praia Central; Barra; Parque Ecológico e Vila Real.

Para os interessados, é importante saber que a Oficina de Teatro atende crianças de 6 a 17 anos. As vagas, primeiramente são para os alunos (as) já matriculados, o período de matrículas novas e rematrículas será divulgado no site da Prefeitura de Balneário Camboriú.

Informações ligue no (47) 3267-7017 – sede ou (47) 3267-7072 Polo Barra

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -