- Publicidade -
- Publicidade -
25 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Vendas de motos sobem 34,1% em fevereiro ante fevereiro de 2022, diz Fenabrave

As vendas de motos tiveram crescimento de 34,1% no mês passado, frente a fevereiro de 2022, chegando a 100,5 mil unidades. Na comparação com janeiro, mês que teve quatro dias a mais de venda, os emplacamentos caíram 9%. O balanço foi divulgado nesta quinta-feira, 2, pela Fenabrave, associação que representa as concessionárias.

Como resultado da expansão dos serviços de entrega (delivery) e da busca do consumidor por veículos não só mais baratos, mas também mais econômicos no consumo de combustível, as vendas de motos somaram 211,1 mil unidades nos dois primeiros meses do ano. Isso representa um crescimento de 28,2% sobre o acumulado entre janeiro e fevereiro de 2022.

Ao comentar o resultado, o presidente da Fenabrave, José Maurício Andreta Júnior, disse que a demanda por motos segue aquecida, mesmo com a seletividade dos bancos na concessão de crédito.

- Publicidade -

“A demanda segue alta, já que se trata de um veículo essencial para a logística urbana das cidades e para o qual muitos motoristas de automóveis e comerciais leves têm migrado”, declarou Andreta Jr.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -