- Publicidade -
- Publicidade -
18 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Reinauguração da Biblioteca Pública de Balneário Camboriú deve ser em novembro

Em três reformas - Biblioteca, Teatro e Galeria Municipal, a prefeitura estará investindo mais de R$ 1,7 milhão

A Biblioteca Pública Machado de Assis, localizada na Terceira Avenida, no Centro de Balneário Camboriú, está passando por uma reforma. Somente a primeira etapa da fachada foi orçada em R$ 120 mil. A ‘reinauguração’ do local está prevista para acontecer em novembro deste ano.

Segundo a presidente da Fundação Cultural de Balneário Camboriú, Denize Leite, a reforma da fachada está na fase final, mas ainda falta a calçada, além de paisagismo e iluminação especial. 

“Em paralelo, estamos reformando o telhado inteiro. Está acontecendo um movimento muito positivo na biblioteca e no Arquivo Histórico, e esperamos fazer a reinauguração até novembro, mas dependemos do clima”, diz.

- Publicidade -

Teatro também está sendo reformado

Outra reforma que está acontecendo é no Teatro Municipal Bruno Nitz, localizado na Avenida Central. A fachada do local também está recebendo uma atenção, e inclusive haverá ‘repaginação’ do graffiti que há na estrutura. 

“Vamos repaginar nesse sentido. O Teatro deve ficar pronto em dezembro”, explica.

Galeria também receberá reforma

Uma terceira reforma deve acontecer na Galeria Municipal de Artes, localizada no último andar do Teatro. A prefeitura espera relançar a licitação que trata da obra ainda neste mês – a anterior deu deserta [sem nenhuma empresa interessada em fazer a reforma]. 

“Vamos fazer toda a reforma interna porque a Galeria foi muito afetada pelas chuvas [o telhado já foi todo reformado]. Vamos relançar a licitação – fizemos adequações no projeto, em uma parte técnica”, acrescenta.

Grande investimento na Cultura

Denize salienta que quando assumiu a presidência da Fundação Cultural, o orçamento era de R$ 2,4 milhões – ainda em 2020. Somente neste ano, sem contar leis de incentivo como a Paulo Gustavo e Aldir Blanc 2, foram mais de R$ 9 milhões. 

“O prefeito Fabrício Oliveira está tendo um significativo olhar para a Cultura. Estamos vivendo um momento muito especial com essas reformas e melhorias. Eu sempre digo que não devemos apenas fomentar a Cultura e sim ter locais com qualidade necessários para os artistas poderem apresentar seus projetos”, aponta.

A presidente dividiu com o Página 3 alguns dos investimentos que a Fundação Cultural vem recebendo: somente a Galeria Municipal receberá R$ 480 mil para a reforma, além de R$ 380 mil no telhado da biblioteca, R$ 300 mil na fachada do Teatro, R$ 280 mil na reforma da parte de ar-condicionado, mais de R$ 100 mil na compra de livros e equipamentos eletrônicos, R$ 120 mil na reforma elétrica, fora os R$ 120 mil da fachada da biblioteca. 

- Publicidade -

“Mais de R$ 1,7 milhão somente nessas obras de melhorias citadas. É um investimento bem significativo e a nossa Cultura merece”, afirma.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -