- Publicidade -
- Publicidade -
25 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Epagri retoma capacitação de pescadoras na modalidade on-line

O curso Mulheres em Ação Flor-e-Ser, oferecido pela Epagri às agricultoras e pescadoras desde 2019, está sendo retomado este mês com 31 pescadoras do Litoral Norte Catarinense, depois de ser interrompido em 2020 devido à pandemia. A capacitação será realizada de forma híbrida, ou seja, a primeira etapa será de abril a junho na modalidade on-line e a segunda em modo presencial no Centro de Treinamento em Joinville, quando as condições sanitárias permitirem e seguindo todos os protocolos de prevenção à Covid-19.

O curso é coordenado pelas extensionistas sociais do Centro de Treinamento da Epagri em Joinville, Ana Lúcia Ribeiro e de Araquari Daniela Guimarães Nunes. Segundo elas, o objetivo da capacitação é que as participantes tornem a atividade da pesca mais competitiva, usem o conhecimento adquirido para melhorar a qualidade de vida e sejam protagonistas nos mais diferentes segmentos da sociedade e em suas próprias famílias. 

Ana Lúcia salienta que no decorrer do curso as pescadoras vão desenvolver planos de negócio que podem ser apoiados com recursos do programa Jovens e Mulheres em Ação, da Secretaria da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural de Santa Catarina. “O plano de negócio transforma essas mulheres não apenas no ponto de vista econômico, mas também no pessoal através do aumento de autoestima e da independência financeira. Esses benefícios vão além delas: suas famílias são beneficiadas de forma direta, pois os resultados refletem em todos do grupo familiar”, ressalta Daniela.

- Publicidade -
Participam 31 pescadoras de 10 municípios do Litoral Norte Catarinense (Foto: Aires Mariga)

A turma é formada por mulheres de 25 a 62 anos, dos municípios de Araquari, Balneário Barra do Sul, Balneário Camboriú, Balneário Piçarras, Penha, Itapoá, Joinville, São Francisco do Sul, Bombinhas e Navegantes.  As aulas serão distribuídas em 12 módulos ao longo do ano, com um total de 94 horas. O conteúdo terá temas relacionados aos eixos sociais, humanos, ambientais e empreendedorismo, como cooperativismo, turismo náutico, segurança na navegação, políticas públicas, seguridade social, mídias sociais, educação financeira, segurança alimentar. Os instrutores são técnicos da Epagri.

O curso Mulheres em Ação Flor-e-ser é oferecido gratuitamente pela Epagri, fomentado e financiado pelo Estado de Santa Catarina e por convênio específico para esta ação, junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

  • Acompanhe o cotidiano de dona Naca, pescadora do município de Governador Celso Ramos que sempre participa das capacitações oferecidas pela Epagri: https://youtu.be/BmUrLj0n-PA
Fonte: Assessoria Imprensa/Epagri
- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -