- Publicidade -
- Publicidade -
19.6 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Fabrício quer empréstimo de R$ 250 milhões para projeto de mobilidade integrada na região

O prefeito Fabrício Oliveira aguarda aprovação da Câmara de Vereadores para Balneário Camboriú contrair empréstimo de 47 milhões de dólares (R$ 250 milhões) para aderir ao Projeto de Mobilidade Integrada Sustentável da Região da Foz do Rio Itajaí.

Dos 11 municípios da região, Balneário Camboriú é que pagará a maior parcela do empréstimo, sob a alegação de que precisa investir mais do que os outros em calçadas, ciclovias e micro mobilidade elétrica, ítens estimados em R$ 190 milhões.

Aprovar o financiamento é uma temeridade, pois não existem projetos detalhados, muitas ideias dependem do Plano Diretor, que ainda está em discussão, mas o prefeito pede empréstimos e a maioria dos vereadores costumam aprovar sem questionamentos.

- Publicidade -

A expectativa é que os financiamentos sejam aprovados pelas Câmaras de Vereadores das 11 cidades envolvidas ainda neste ano, mas até o financiamento, no valor total de 120 milhões de dólares, ser concretizado poderá demorar vários anos.

A ideia central é um sistema coletivo elétrico ligando várias cidades, mas parte do dinheiro (8 milhões de dólares, 40 milhões de reais) será usada para projetar uma parceria público-privada que venha a investir 180 milhões de dólares (R$ 900 milhões) num túnel ligando Navegantes a Itajaí. 

Para conhecer o projeto que tramita na Câmara, acesse 

https://www.balneariocamboriu.sc.leg.br/proposicoes/Projetos-de-Leis-ordinarias/2023/1/0/135351
- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -