- Publicidade -
- Publicidade -
23.9 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Marcelo Achutti deixará a Secretaria de Educação dia 4 de abril

O atual secretário de Educação de Balneário Camboriú, Marcelo Achutti, disse ao Página 3 que deixará o cargo no próximo dia 4 de abril, para retornar para a Câmara de Vereadores (ele está licenciado desde 2023, quando assumiu a pasta). Ele reafirmou sua intenção eleitoral. ‘A partir do dia 6 de abril estarei como pré-candidato à prefeitura’, disse.

Projetos que destaca

Achutti informou que ‘sai de cabeça erguida’ da Educação e destacou alguns projetos os quais esteve à frente na pasta, como o pagamento do Piso do magistério e a resolução de problemas estruturais de escolas e creches, que foram reformadas/receberam manutenção. 

“Foram muitas entregas, reformas, e revitalizações. Quando o assunto é educação não é gasto, é investimento. A gente trabalhou muito! O uniforme chegou no prazo, sem atraso, as reclamações diminuíram, até mesmo na Câmara e na imprensa”, disse.

Desafios enfrentados

O secretário comentou que de todas as secretarias que passou em sua vida pública (ele está em seu terceiro mandato como vereador) – Emasa, Articulação, Saúde, Planejamento, Funservir e Gabinete, ele enfrentou dois grandes desafios – quando assumiu a Emasa, em 2015, ‘em cima’ da temporada de verão, quando conseguiram terminar a ligação com a adutora de água bruta que estava estacionada e foi o primeiro verão em que não faltou água na cidade, e agora na Educação. 

“Temos os melhores profissionais em Balneário Camboriú, o que precisávamos eram questões estruturais. É um enfrentamento de todos os dias, torneira que quebra, problema elétrico, ar-condicionado que queima, etc. Mas eu saio de cabeça erguida. Não resolvi 100%, mas 90% de nossa rede está apta para receber os nossos alunos. Zeramos a fila de zero a três anos, o Promotor de Justiça nos elogiou. Fizemos muito. Eu tinha receio de não ter tempo de avançar como avançamos, foi muito trabalho mesmo, me dediquei, e consegui porque o governo me ajudou”, destacou.

- Publicidade -

Volta para a Câmara já de olho nas eleições

A volta de Achutti para a Câmara promete ser diferente, já com o ‘pé’ nas eleições municipais. Ele reiterou que segue como pré-candidato à majoritária municipal e que agora pretende iniciar a construção de seu projeto político. 

“Eu tenho fugido da discussão política, mas quando eu voltar para a Câmara vou voltar a discutir. Sou pré-candidato a prefeito, sim, e só vou abrir mão se tiver outro candidato dentro ou fora do meu partido que tenha uma proposta de cidade e que vai dar continuidade às bandeiras que defendemos e enfrentamentos. Caso contrário, mantenho minha pré-candidatura à majoritária, não tenho dúvida que vou estar na majoritária. Não escondo meu desejo. Me sinto preparado, sim. A partir do dia 6 de abril (segunda-feira) vou estar como pré-candidato à prefeitura”, completou.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -