- Publicidade -
- Publicidade -
20.3 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Como o Brasil incentivou um cenário tecnológico forte

O Brasil incentivou um cenário tecnológico forte no momento em que decidiu privatizar a infraestrutura estatal, especialmente no que diz respeito à internet. Até 1998, a Telebrás era responsável por toda a operação de telecomunicação brasileira, o que mudou a partir do seu leilão.

Naquela época, a telecomunicação, em especial a internet, ainda caminhava a passos lentos. Contudo, mais no futuro, a decisão de privatizar a infraestrutura se mostrou bastante correta. Isso porque permitiu o rápido avanço da internet e do sistema de telefonia.

O avanço foi tanto que hoje todo brasileiro é capaz de investir em forex online sem sair de casa, aproveitando todas as condições únicas do mercado americano e até global. Além disso, o cenário tecnológico forte permitiu a globalização das empresas brasileiras.

- Publicidade -

Para explicar e detalhar melhor como o Brasil criou um cenário tecnológico forte, preparamos esta reportagem completa. Fique conosco para saber mais!

Privatização da Telebrás

Foto de Marvin Meyer na Unsplash.

A privatização da Telebrás, estatal então responsável por todo o serviço de telecomunicações do país, como telefonia fixa, telefonia móvel e internet, aconteceu em 1998. À época, a decisão foi bastante controversa e gerou um acalorado debate sobre a soberania nacional.

Entre os contrários à privatização, os deputados diziam ser contra porque colocaria empresas estrangeiras sob controle da comunicação brasileira. Além disso, defendiam que existiria uma concentração de mercado muito grande, o que felizmente não aconteceu.

Já os favoráveis à privatização ressaltaram que a abertura da economia, defendida pelo então presidente Fernando Henrique Cardoso, iria provocar justamente o contrário do que a oposição argumentava. Sendo assim, aconteceria a redução de tarifas e a ampliação do acesso à internet.

No fim, estima-se que a privatização da Telebrás tenha provocado um investimento acumulado de 1,03 trilhão de reais entre 1998 e 2023. O resultado direto está na ampliação do acesso à internet e na qualidade acima da média em relação ao acesso à internet banda larga.

O que torna o cenário tecnológico do Brasil forte?

Com a privatização da Telebrás em 1998, a estrutura de rede no Brasil se consolidou. A partir deste ecossistema forte, o país passou a fomentar consumidores e também uma base tecnológica que funciona, com universidades, institutos de pesquisa e empresas estrangeiras com sede no país.

Contudo, convém destacar que o Brasil parou aí. Atualmente, o Brasil investe pouco mais de 1% do Produto Interno Bruto (PIB) — que soma todas as riquezas produzidas pelo país. Apesar de alto, o valor está bem distante do que é prática em outros países, como China, Israel e Coreia do Sul.

- Publicidade -

Segundo o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, e o Banco Mundial, o Brasil dedica à tecnologia e inovação científica apenas 1,2% do PIB. Felizmente, o valor pode mudar nos próximos anos. Isso porque tramita no congresso uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que define um aumento gradual no investimento de tecnologia do país.

Elaborada pelo senador Marcos Pontes (PL-SP), a PEC 31/2023 prevê um aumento gradual do investimento dedicado à tecnologia, considerando o valor do PIB. Ainda segundo a PEC, o Brasil atingiria um investimento de 2,5% do PIB na área de tecnologia até 2033.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -