- Publicidade -
- Publicidade -
28 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Pela primeira vez em 30 anos, Microsoft altera teclado para popularizar uso de IA

(FOLHAPRESS) – A Microsoft adicionará uma tecla de atalho para chamar um assistente de inteligência artificial no Windows, na primeira alteração de teclado dos seus computadores em 30 anos.

O atalho vai funcionar como a tecla de iniciar, que mostra uma lista dos programas disponíveis no computador. Ele chamará, porém, o copiloto da Microsoft, assistente que usa a mesma tecnologia do ChatGPT para interagir com o usuário.

Desde que fez um aporte de US$ 10 bilhões (cerca de R$ 49 bilhões) na criadora do ChatGPT (OpenAI), a desenvolvedora do Windows ganhou prioridade de acesso às soluções de inteligência artificial geradora da OpenAI. Assim, passou a integrar recursos baseados na tecnologia em seus produtos, o que começou com o buscador Bing.

- Publicidade -

A Microsoft desenvolveu assistentes virtuais, que chama de copilots, para Word, Excel, Outlook, para a plataforma de programação GitHub e para o próprio Windows.

O novo botão será sinalizado pelo símbolo do copilot do Windows e ficará à direita da tecla “Alt Gr”. Em material de divulgação, a Microsoft diz que será possível usá-la para criar imagens, escrever emails, organizar planos e pedir resumos sobre determinado assunto.

Parceira da Microsoft, a OpenAI está na dianteira do desenvolvimento de inteligência artificial generativa, capaz de gerar textos, imagens e áudios. Principal concorrente na área, o Google anunciou ter desenvolvido um modelo de IA mais potente do que os disponíveis ao público, mas ainda não o lançou ou apresentou data para tal.

Nas projeções para 2024, a equipe do jornal especializado Financial Times citou a chance de a Microsoft ultrapassar a Apple como empresa mais valiosa do mundo, pelo impulso que ganhou com o mercado de inteligência artificial.

Os próximos balanços da desenvolvedora do Windows vão mostrar se há possibilidades de receitas no curto prazo com os novos serviços.

A nova tecla será o principal anúncio da gigante da tecnologia durante a Consumer Electronics Show, principal feira de eletrônicos do mundo, marcada para acontecer entre 9 e 12 de janeiro em Las Vegas.

No início da tarde desta quinta (4), as ações da Microsoft apresentavam 0,36% de valorização, e o valor de mercado da companhia estava em US$ 2,76 trilhões. No mesmo momento, os papéis da Apple estavam em baixa e somavam US$ 2,83 trilhões —2,5% a mais do que a desenvolvedora do Windows.

- Publicidade -

O ânimo do setor de tecnologia com IA ainda faz a Microsoft lucrar em outra frente: a de serviços na nuvem. A plataforma Azure da Microsoft, equipada com supercomputadores, serve de base para empresas e startups treinarem seus grandes modelos de linguagem, como o ChatGPT.

A OpenAI, por exemplo, reverteu grande parte dos US$ 10 bilhões que recebeu de investimento em serviços de processamento computacional da Microsoft. Outras das empresas mais inovadoras da corrida por inteligência artificial fizeram o mesmo, como Inflection.AI e Cohere.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -